Diário de um Estudante de Medicina

Meu Primeiro Plantão Médico na Faculdade de Medicina – Diário de Curso

Olá, queridos amigos! Eu ja contei um pouquinho antes aqui no Blog que estou no Internato, vivendo uma fase incrível de aprendizados práticos na medicina. E uma das vivências mais legais que tive nesse um mês no 5° ano foi a de dar Plantão Médico!!! Hoje eu vou contar para vocês como foram meus plantões no estágio de Cirurgia Geral 🙂

Fotinho Clássica de “Meu Primeiro Plantão”

O plantão que nós tínhamos que participar nesse estágio era na Sala do Trauma/Emergência Cirúrgica e como tínhamos atividades diurnas, o plantão era durante a noite. Nos dividimos para que todo dia tivesse um aluno, dentre os quinze da panela, de plantão das 19h as 7h. Como vocês perceberam eram 12h durante a noite/madrugada haha numa  carga horária que antes nunca tivemos no curso. Mas um ponto positivo era que na manhã após seu plantão você tinha direito de faltar nas outras atividades e descansar, vontando somente na parte da tarde 😉

Meus Plantões

Agora falando um pouquinho da minha experiência pessoal, eu deu dois plantões de sexta-feira no PSC (Pronto-socorro central do HC). Tentei pegar nesses dias porque eu sabia que era mais movimentado e também porque seria mais fácil para mim que moro distante da faculdade – e não teria como voltar num pós plantão comum (durante a semana) para casa para descansar e depois retornar de tarde para as atividades.

Sempre tive muito medo de não conseguir ficar acordada por tanto tempo, afinal era algo que eu nunca tinha feito na vida e achava que não teria tanta força haha (de verdade). Mas, depois de ter vivenciado essa experiência, eu percebi foi que enquanto se tem coisas para fazer (atendimentos, exames, emergências etc) a gente fica agitado e acordado !!! Mas quando param de chegar pacientes, bate um super sono haha

Na sala da emergência em que fiquei sempre tinha dois residentes do segundo ano (R2) de Cirurgia geral, um interno do 6° ano e um ou dois enfermeiros. Essa era a equipe básica, nunca fazíamos nada sozinhos! Quando chega um paciente, os residentes iniciam o atendimento e vão nos orientando ao que devemos fazer. 

O que eu fiz??

Entrada do Instituto central do HC FMUSP

Basicamente auxiliei na avaliação inicial do paciente (famoso ABCDE do trauma), então ver se estava com vias aéreas boas, ver se o pulmão expandia, checar pulsos, ver o estado neurológico e expor o doente para ver se não havia lesões ocultas pela roupa etc. Esse é o começo do atendimento. Depois vamos conversando para saber o que aconteceu, por vezes já é feita alguma intervenção como aplicar medicação/soro/cateter de oxigênio.

Eu fiz alguns procedimentos ao longo dos atendimentos como colher gasometria arterial (ou pelo menos tentei haha), fazer sondagem vesical de demora, fazer suturas, ajudar em mobilização em bloco do paciente, fazer curativos.

Achei que foi muito importante essa vivência, tanto para conhecer mais dessa área quanto para me agregar conhecimentos práticos. No futuro quando já estiver formada e for dar plantões por ai, para complementar a renda e iniciar no mercado de trabalh, já terei maior noção do que tem que ser feito e maior segurança. Nós teremos mais estágios em pronto-socorro nos próximos meses, então ainda terei mais oportunidades de aprender mais e melhorar. 

Vídeo do Vlog Mediários

Não sei de todos viram, mas fiz um vídeo contando mais do Plantão no Youtube, acessem também:

 

Espero que tenham gostado do post, vou escrevendo mais sempre que puder!! Grande abraço, até a próxima!!

Assuntos do Artigo
  • plantao de internato fmusp
  • como sao os plantoes dos estudantes de medicina na USP

Comente Via FaceBook

Comentários




| Website

Sou estudante do 4º ano de Medicina na Faculdade de Medicina da USP, blogueira desde 2012 quando fazia Cursinho pré-vestibular. Há poucos meses comecei o Vlog Mediários no You tube.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.