Scroll Top

Vestibular

Não Passei no Vestibular e Agora? Dicas de Preparação e Superação

O Vestibular é uma das fases mais importantes e difíceis da vida de qualquer estudante, especialmente para quem esta prestando para Medicina… Nós nos deparamos com desafios da concorrência (candidato/vaga),  domínio de conhecimento, autocontrole, persistência … da para citar vários aqui… Dependemos de um resultado para decidir nosso futuro, é bem complicado e para isso precisamos estar preparados psicologicamente para vitorias ou derrotas.

Como passei por essa fase, enfrentei reprovações e dificuldades, mas no final venci – e conquistei minha vaga – posso falar com propriedade sobre o assunto. Esse post de hoje é dedicado a todos os vestibulandos, trago dicas sobre Vestibular, como se preparar e mais.

Não Passei no Vestibular – O que Devo Fazer??

Bom, começo com meu depoimento sobre Não Passar no Vestibular e Superação … Eu estudei em escola publica e técnica,  não tive uma boa base para prestar Medicina, então ao sair do terceiro ano do Ensino Médio não passei nem para a segunda Fase (de nenhum vestibular)!!! Fiquei chateada, mas sabia que eu não tinha como competir com os vestibulandos de Medicina que estavam se preparando de verdade.

Como sempre fui uma boa aluna, acreditava que tinha um grande potencial. Então resolvi fazer um cursinho extensivo (escolhi o Objetivo), nesse ano tentei estudar bastante, principalmente as matérias novas para mim (porque não havia aprendido muuuuita coisa na escola), o resultado foi muito bom….

Eu passei na Fuvest pela 2 opção – Medicina Santa Casa – na UFF do Rio, e na Famema. Mas não fui para nenhuma delas, a Santa Casa porque era muito cara, e as outras porque teria que me mudar para longe de casa (novos problemas com gastos e outros). Na verdade essa escolha foi difícil, pois não é muito comum se desistir de um curso como Med, fiquei umas semanas mal – mas dai fui compreendendo melhor a situação, tive que encontrar forças em mim, na minha família e em Deus…. 

No ano seguinte, fui fazer cursinho novamente, dessa vez com um bom conhecimento. Me dediquei de segunda a sábado  estudando no cursinho porque em casa não conseguia mais… Realmente eu dei o meu máximo, não sem aqueles momentos de duvida e desanimo, arrependimento então (porque eu achava que não ia conseguir mais)!!! 

Mas na hora das provas me concentrava e conseguia ficar calma (isso é essencial para o Vestibular) – tive muito apoio da minha família e amigos que sempre acreditaram em mim, e assim me davam forças também… Enfim, depois de uma maratona de provas o resultado saiu… passei na UFF (de novo kkk), na USP e na Unicamp… Nem conseguia acreditar, mas venci apos dois anos de cursinho!!! (Essa historia não é somente minha, a grande maioria das pessoas que passa para Medicina o faz depois de alguns anos de cursinho e dificuldades!!!)

E Agora? Dicas de Estudo e Preparação para Vestibular

Dicas de Estudo para Vestibular

Eu já fiz uma postagem sobre o assunto, mas retomo agora algumas das principais dicas para quem vai começar de novo…

No começo é difícil, assistir as mesmas aulas, ver as mesmas coisas… Um opção é mudar de “ares” indo para outro cursinho, assim voce muda de material preparatório, de professores, conhece novas pessoas, é interessante. 

Para se dedicar mais uma vez ao vestibular você precisa ter confiança, acreditar que tem potencial…Organize-se numa rotina de estudos, comece aos poucos e vá aumentando as horas de estudos. Procure revisar as matérias das aulas do dia, faça as tarefas correspondentes. 

Nos finais de semana você pode se dedicar mais aos simulados, baixe provas ou participe de simulados do seu cursinho e de outros. Aproveite para rever matérias que ficou com duvida ou atrasado durante a semana.

Outra dica é encontrar um diferencial, sabemos que a média de acertos para Medicina, por exemplo, é de uns 75 a 80 % nas matérias em geral. Mas se em alguma matéria você se destacar, tipo gabaritando na primeira fase, isso ajuda muito. Nas segundas fases, a Redação e Português, principalmente na Fuvest costuma ser um diferencial – a maioria das pessoas não vão muito bem nelas.

Então, é super importante se dedicar na Leitura das Obras, depois ver resumos e aulas explicativas. Além, é claro, de treinar bastante escrever redações…  

Lembre-se que o principal é seu estado de espirito, como controla sua ansiedade e nervosismo, pois isso pode aprovar ou reprovar no vestibular. Um ponto perdido de besteira, faz você ficar a trás de muitos concorrentes, então a dica é encontrar meios de relaxar, separe algumas horas da sua semana para praticar um esporte, ir ao cinema… Isso não atrapalha!!!

Histórias de Superação no Vestibular – Depoimentos de Estudantes

Confira agora alguns depoimentos de estudantes que conseguiram passar em Medicina apos anos de esfôrço e perseverança. Inspire-se e lute por seu Objetivo:

Primeira colocada no vestibular para o curso de medicina da Unesp (Universidade Estadual Paulista), a estudante de 20 anos se deu ao luxo de dispensar um curso que teve 185 candidatos por vaga. Tudo em nome do sonho: estudar medicina na USP (Universidade de São Paulo).

Apesar do sucesso nos vestibulares de 2013, o caminho de Carolina não foi fácil. Foram três anos de cursinho, estudando 12 horas por dia, até adquirir experiência e maturidade para superar seu maior obstáculo: o nervosismo.

“Nos outros anos, eu sempre ficava muito ansiosa. Por mais que eu soubesse o conteúdo, na hora dava branco”, conta. “Dessa vez estava mais tranquila, confiando mais em mim”.

“No primeiro ano eu não fui bem, nem passei para a segunda fase [da Fuvest]. Agora tive mais ajuda para controlar a minha ansiedade e focar no que eu sabia”, diz.

Os resultados já começaram a aparecer no ano passado. A estudante foi aprovada para a Faculdade de Medicina da Santa Casa de São Paulo, que também seleciona seus alunos pelo vestibular da Fuvest, mas preferiu tentar mais um ano de cursinho para chegar à USP.

Nesse ano, além de Unesp e USP, Carolina também passou dos vestibulares da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), Famerp (Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto), UFPEL (Univerisade Federal de Pelotas), PUC Campinas e PUC Sorocaba.

Para se preparar para os vestibulares, Carolina saía de casa, em Santo André, todos os dias às 5h30 da manhã e só chegava às 22h. Isso fora as leituras dos livros obrigatórios da Fuvest nos intervalos e aos sábados. “Só sobravam os domingos, mas nesses eu nem pensava em estudar. Aproveitava para descansar, me divertir e ir à igreja”, afirma.

A estudante também atribui grande parte do resultado ao apoio que recebeu da igreja evangélica que frequenta desde a infância. “Eu entendi que precisava confiar mais em Deus, porque me cobrava muito, e no fim das contas não depende só de mim”, disse.

William Maia
Do UOL, em São Paulo

Tenha confiança e Veja seu Nome na Lista de Aprovados!!!

Depois de fazer cinco anos de cursinho sem conseguir passar na Fuvest, e superar crises de síndrome do pânico e estresse, a estudante Bruna Silva Araújo, de 21 anos, conquistou uma vaga no curso de medicina da Universidade de São Paulo (USP) em 2012. 

Bruna conta que no ano passado enfrentou crises de pânico e estresse por conta da ansiedade de enfrentar novamente o vestibular. Para relaxar e tentar amenizar a pressão, ela se matriculou em um curso de dança de salão, acompanhada pelo namorado. A estratégia deu certo. Além de conseguir vaga na USP, Bruna também foi aprovada em medicina pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

 

** O que achou da Postagem?? Deixe seus comentários e dúvidas sobre Superação no Vestibular aqui para o ABC da Medicina…

Assuntos do Artigo
  • não passei no vestibular
  • fiquei nervosa no vestibular
  • nao fui bem no vestibular posso fazer de novo
  • nao passei em medicina e agora
  • nao passei em medicina fazer o que agora?
  • nao passei para medicina na particular e agora
  • porque não passei no vestibular redação

Comente Via FaceBook

Comentários

1 Estrelinha =(2 Estrelinhas3 Estrelinhas4 Estrelinhas5 Estrelinhas =) (4 Votos, Média: 3,75 out of 5)
Loading...

Artigos Relacionados à Não Passei no Vestibular e Agora? Dicas de Preparação e Superação!

Sobre o autor | Website

Sou estudante do 4º ano de Medicina na Faculdade de Medicina da USP, blogueira desde 2012 quando fazia Cursinho pré-vestibular. Há poucos meses comecei o Vlog Mediários no You tube.

10 Comentários

  1. Elizabeth disse:

    Acho ótimo mostrar que algumas coisas não vem fácil, mas encontramos forças em Deus, para nos superar, fazer nossos sonhos em realidade.

  2. Elena disse:

    Que post otimo! Parabens por ter conseguido alcançar o seu sonho! Também quero medicina e este é o meu terceiro ano de cursinho… Sinto que desta vez é diferente e que já tenho um bom conteudo acumulado mas a caminhada ainda é muito longa e o desânimo tem batido todos os dias. Mas blogs como o seu ajudam bastante!

    Obrigada!

  3. Bia Nunes disse:

    Olá,td bem? Terminei o Ensino Médio agora em 2012,sempre fui uma boa aluna e super dedicada,mas não conseguir passar no vest de med de primeira,agora estou em um pré vest,no inicio estava estudando todos os dias em casa a matéria que o prof tinha dado no dia.Porém a partir de final de maio e junho não deu pra estudar todos os dias e muito pq eu estava fazendo auto escola e ficava super cansada,mt vezes dormia de tarde para aguentar. Agora a prova que eu quero é em janeiro,vc poderia me dá umas dicas de como organizar meus estudos nessa reta final,dica de livros bons para ler e estudar,vc acha que devo fz aulas particulares de matemática e física para reforça,já que tenho dificuldades nessas áreas? obrigada

    • Bianca disse:

      Ola Bia,
      tente fazer um planejamento de estudos por semana, com suas prioridades (materias com dificuldades, momentos para revisar os topicos mais importatnes e prevalentes nas provas anteriores…) Se der é importante fazer uns simulados das provas e redações…
      As dicas de leitura são jornais, revistas, livros clássicos da literatura como 1984, Senhor das Moscas, A Metamorfose, Memórias POstumas de Bras Cubas, 451 Fahrenheit… de uma pesquisada ; )

      Se no seu cursinho tiver reforço ou plantão de dúvidas não hesite em participar … Espero ter ajudado!!

  4. Emily disse:

    Sabe, tenho muito medo da reação do meu pai, pois sei que não me dediquei o bastante para passar em medicina(estou no terceiro ano do ensino médio) e o que me chateia muito é que ele quer que eu faça outro curso ao invés de me deixar fazer um cursinho pra entrar pra medicina msm.

    • Bianca disse:

      Olá Emily,
      o melhor que você tem a fazer é conversar com seu pai, pois se você quer estudar medicina será melhor para seu futuro que se dedique um pouco no cursinho e conquiste o melhor 😉
      se você for para outro curso, ficará mais dificil ainda conseguir fazer medicina

  5. Juliana disse:

    Olá, meu nome é Juliana. Eu amei seu post, achei sensacional!
    Eu me formei no ensino medio sem sabe nem o que era uma celula.. Fui entao fazer um cursinho. Estou no 3º ano de cursinho tantando entrar numa facul de Medicina. Ja passei em odonto na unicamp, mas não me imagino fazendo outra coisa. Sabe, quando penso em abrir mão de fazer medicina tenho vontade de chorar, meu coração aperta…

    Estou disposta a fazer mais tempo de cursinho se for necessario, o problema é que meus pais estao sem grana pra bancar.. Torça por mim, vou tentar uma bolsa!
    Gostaria de perguntar o que vc fazia para ficar calma? Sou mt nervosa

    • Bianca disse:

      Controlar o emocional é a parte mais dificil mesmo, não tem uma fórmula, depende de cada um…

      Eu também sou nervosa e ansiosa, na minha época de vestibular eu tentara me organizar para ter uns momentos de relaxameto (fazia atividades fisicas, lia livros que não caiam no vestibular e assistia series, tipo House), na hora das provas eu conseguia me manter calma tentando não pensar no que estava acontecendo êstou fazendo o vestibular, preciso acertar 80 questões e bla bla bla” –  eu fazia a prova sem muita pressão, claro que no final da prova com tempo correndo e aquelas questões dificeis que sobram eu ficava nervosa, mas considerava uma coisa normal.

      Tente encontrar formas de relaxar, tirar um pouco a cabeça da pressãodo vestibular algumas horinhas por semana. Outra coisa, você não precisa finjir que o mundo é lindo e as coisas são faceis, tente refletir sobre seus desempenhos e preparaçao: há muita gente prestando o vestibular, muitos que não passam num ano ou erram uma questão x não são piores que os outros, é normal ter medo e ficar nervoso… 

      Boa sorte nas provas!! =)

  6. Filipe disse:

    Oi Bia, tudo bem ? Tô no meu segundo ano de cursinho lá no Objetivo de Alpha tbm D=. O desespero anda batendo forte, mas quem sabe esse ano rola Poli ou Unicamp o/. Tenho uma dúvida, nos simulados que você fez, qual era sua média de acertos ? Só pra eu ter um parâmetro e não ficar demasiadamente desesperado haha. Vlw !

    • Bianca disse:

      Oi, Filipe!! Tudo bem!!

      Que legal, mais alguém do Objetivo daqui =D

      Ah, eu não lembro exatamente, mas acho que variava bem de uns 73 a 80 hahaa dependia do semestre, mas no geral nunca foi demais em simulados =P 

      Mas fica tranquilo e foco nos estudos, com certeza você consegue essas que está querendo!! E dai manda um recado para nós do Blog contanto, viu?

      Abraços

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: