Scroll Top

Diário de um Estudante de Medicina

Rotina do Quarto Ano de Medicina USP – Diário de uma Estudante

Olá queridos leitores,

Há algumas semanas atrás eu escrevi aqui no meu Diário de uma Estudante sobre o início das aulas do meu Quarto Ano na faculdade e como foram as minhas primeiras duas semanas de aulas. Agora estou terminando o segundo mês de aulas (de 2016) e vou contar um pouco de como está minha rotina até agora – o sétimo semestre do curso de Medicina.

diario 1

Demorei um pouco para escrever porque estava naquela disciplina que comentei com vocês, chamada Moléstias Infecciosas e Transmissíveis (MI), que engloba outras seis matérias. Foi bem difícil, pois a cada aula nos era apresentado uma ou mais doenças e os aspectos importantes para cada área (imunologia, patologia, clínica, epidemiologia, microbiologia e parasitologia). Tivemos muuuitas aulas e, apesar disso, os assuntos passavam bem rápido e o jeito era estudar um pouco todos os dias, dai acabei postando pouco – o que mais postei foram resumos sobre as doenças que estudava, como vocês podem ter reparado.

Fiz as últimas provas na semana passada, e nem acredito que terminei esse bloco de Moléstias Infecciosas!! Todas as provas que fiz (três teóricas escritas sobre todas as matérias; uma prática de Parasitologia no laboratório e uma prática de Patologia com lâminas de autópsia e biópsias) foram bem difíceis, tanto pela matéria em si que era muito extensa quanto pelas questões que cobravam detalhes das doenças. As questões das provas tinham como base para as perguntas casos clínicos mega floridos, parecia que o paciente tinha tudo – os que eles passam em aula nunca são assim, dai dá um super nervoso na hora!!

Eu e meus colegas comentamos que parecia a Segunda Fase da Fuvest de novo haha muitas questões (no mínimo 12) para resolver em 4 horas, a gente não parava de escrever por um minuto. Além disso tive um seminário em grupo, meu tema foi Micobactérias não tuberculose. Um detalhe que não falei é que essa matéria (MI) é a mais temida do Quarto ano da faculdade…

Meu objeto de estudo nas últimas semanas haha

Meu objeto de estudo nas últimas semanas haha

Diferente dos anos anteriores, agora as aulas estão mais intensas, por vezes acabam bem tarde e chego bem cansada em casa. Isso dificulta um pouco ter animo de estudar, mas estou me esforçando a pelo menos ler um pouco das matérias sempre. Fora os estudos, eu consegui acabar de ler um livro que tinha começado no início do ano: chama-se O Lobo do Mar, de Kack London, em breve vou tentar postar um resumo e análise da obra para quem se interessar.

Livro O Lobo e o Mar - Uma Leitura de Aventura e Filosofia

Livro O Lobo e o Mar – Uma Leitura de Aventura e Filosofia

Mas finalmente acabou essa parte de Moléstias Infecciosas, agora vou para uma segunda parte desse semestre do Quarto ano da faculdade de Medicina, vamos vou ter Ginecologia, Obstetrícia, Pediatria, Neurologia e Psiquiatria. Antes dessa transição, tenho uma semana de folga (Semana do feriado de Páscoa) que todos nós da graduação podemos dar uma relaxada e estou aproveitando para postar e ler mais =D 

Daqui algumas semanas volto para contar mais da minha rotina na faculdade e como vão as minhas novas matérias!! Espero que tenham gostado e qualquer dúvida ou sugestão de postagem para o ABC da Medicina escrevam aqui!! Até a próxima!

Assuntos do Artigo
  • diario de uma estudante de medicina

Comente Via FaceBook

Comentários

1 Estrelinha =(2 Estrelinhas3 Estrelinhas4 Estrelinhas5 Estrelinhas =) (5 Votos, Média: 5,00 out of 5)
Loading...

Artigos Relacionados à Rotina do Quarto Ano de Medicina USP – Diário de uma Estudante!

Sobre o autor | Website

Sou estudante do 4º ano de Medicina na Faculdade de Medicina da USP, blogueira desde 2012 quando fazia Cursinho pré-vestibular. Há poucos meses comecei o Vlog Mediários no You tube.

3 Comentários

  1. Rodolfo Ferreira disse:

    Olá, tudo bem? Gostei muito do seu site, tem informações muito úteis sobre o estudante de medicina na faculdade. Meu sonho é entrar na USP. Gostaria de saber se, é possível fazer uma atividade física, com regularidade durante o curso, se tem alguma academia perto da faculdade… Gosto muito da área médica. Sonho em fazer psiquiatria e nutrologia, integrar de alguma forma os estudos nessas áreas, ajudar as pessoas a incorporar hábitos saudáveis, estudando sobre a mente e o corpo, sobre os impactos da atividade física na qualidade de vida, estudando sobre o comportamento humano, ajudando a tratar a ansiedade, depressão, motivação, ajudar o ser humano como um todo. Vejo-me muito trabalhando em uma clínica, conduzindo o meu próprio negócio, em um consultório, empreender, atraindo um público em específico.. Talvez seja muito cedo para isso, mas tive que pensar sério, pois estava com dúvidas entre fazer psicologia e medicina, e então tive que pesquisar a fundo e me ver fazendo uma coisa de fato. Percebi que a medicina me permite estudar outras partes do corpo, com maior profundidade, isto é, promove mais variedade de formas de ajudar o outro, sendo o mercado de trabalho bem receptivo, o que me cativou. Adoro estabelecer metas, traçar um plano e segui-los, me organizo muito bem, e desde já penso em praticar exatamente o que me imagino dando conselhos a um futuro paciente. Durmo 6 horas por dia. Inspiro-me muito no caso de "médicos fitness", que conseguem administrar tempo para cuidar do corpo e mente. Tem uma matéria muito boa em inglês sobre o assunto: http://www.bodybuilding.com/fun/these-6-ripped-docs-have-your-fitness-rx.html

    São médicos de lugares diferentes do mundo, de diferentes realidades. Com isso, fiquei me questionando se eu não estou me enganando ao tomar essa decisão, de "nadar contra a corrente", pois sabemos como é a realidade por aqui, diferentemente de lá fora, outras faculdades do mundo, atividades extracurriculares não são requisitadas no processo de avaliação para entrar na faculdade, é só se "matar estudando", muitos pensam. Enfim, adoraria saber sobre o que você acha de tudo isso, se tem alguma dica, se percebe pessoas ao seu redor na faculdade que conseguem ter esse estilo de vida, ativa, regular, pelo menos 3 vezes por semana. Ajudaria-me muito!

    • Bianca disse:

      Oi Rodolfo, tudo bem com você?

      Então, essa sua preocupação é muito importante mesmo, pois a cada dia as pessoas ficam mais sedentárias e com menos hábitos saudáveis. E quanto aos médicos, acho muito ruim que um profissional da saúde que não cuide bem do corpo, não ligue para fazer atividade física etc… COm isso quero dizer que esse seu pensmaento de unir a promoção de uma vida saudável e de praticar a medicina é muito boa!!

      Toda a vida de um médico é muito corrida e cheias de compromisos, desde a graduação temos uma rotina bem intensa, mas dá para aliar atividade física sim! Sempre temos os perídos do almoço, um pouco da noite e finais de semana e com em parte desses períodos livres você poderá incluir suas ativividades. Inclusive na Medicina USP tem uma atlética dentro do campus, com academia, ginásios, quadras e piscina para os alunos utilizarem (no Canal Vlog Mediários tem uma entrevista e tour que fiz, dê uma procurada lá). Fique tranquilo, e depois na sua vida de médico formado, vai depender do quanto vai querer dedicar ao trabalho e do quanto vai separar para seu lazer etc.

      Enfim, não sei se te respondi, mas qualquer coisa pode me escrever novamente.Grande abraço e sucesso nos estudos e futuros projetos!!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: