O Sistema Endócrino controla e coordena muitas funções vitais do organismo por meio da produção e secreção de hormônios na corrente sanguínea. Essa ação de controle é semelhante ao sistema nervoso, porém com efeitos mais lentos e duradouros.

Uma importante glândula do sistema Hormonal é a Hipófise da qual falarei um pouco hoje, confira um resumo sobre sua morfologia e fisiologia, além das doenças que podem ser desencadeadas pelo mau funcionamento dela.

sistema endocrino hipofise 1 Glândula Hipófise   Hormônios e suas Funções, Doenças Relacionadas
Resumo do Sistema Hormonal – Anatomia e Fisiologia da Glândula Hipófise

Anatomia da Hipófise ou Glândula Pituitária

A Hipófise está localizada na base do cérebro em uma depressão óssea chamada de “sela túrcica”, e envolvida pela dura-máter, exceto onde está ligada ao assoalho do diencéfalo pelo infundíbulo.  Macroscopicamente a glândula é dividida em lobos anterior (Adeno-hipófise) e posterior (Neuro-hipófise) que secretam hormônios que dependem do controle do Hipotálamo cujos hormônios penetram na parte glandular através do chamado sistema porta-hipofisário (que une fisiológica e anatomicamente o hipotálamo e a hipófise). 

Adenoipófise pode ser dividida em Pars Distalis, parte distal da adenohipófise responsável pela secreção de ACTH, TSH, FSH, LH, ICSH, GH, PRL; e em Pars Tuberalis, parte próxima a haste hipofisária sem função hormonogênica. 

Neuroipófise dividida em Pars Nervosa que corresponde a maior parte da neurohipófise e é responsável pelo armazenamento e liberação de ADH e OCITOCINA, e em Pars Intermedia (inexistente nas aves) que produz o MSH. 

Fisiologia da Hipófise

Hormônios e suas Funções, Doenças Relacionadas

Hormônios produzidos no Hipotálamo, armazenados e secretados pela Neurohipófise:

* Ocitocina que promove contrações uterinas e ejeção do leite durante a amamentação. Além disso, sua deficiência leva a pessoa a ficar introvertida, menos emotiva, mais intelectual, com poucos contatos sociais e mais isolada. 

* ADH (Vasopressina ou antidiurético) que provoca a vasoconstrição (elevando a pressão sanguínea) e a reabsorção de água nos túbulos renais distais e diminui a sudorese.

Um desequilíbrio na regulação do ADH pode estar associado a síndromes poliúricas, como o desenvolvimento do Diabetes Insípido (DI) cujo tratamento consiste na correção dos distúrbios hidroeletrolíticos e do déficit de água.

* MSH que estimula os melanócitos na pele, controlando a pigmentação da pele (síntese natural de melanina e síntese de hormônios esteróides pelas glândulas adrenal e gonadal). Na mulher, sua deficiência leva a diminuição da libido e nos homens interfere na potência sexual. 

sistema endocrino hipofise 2 e1342802599256 Glândula Hipófise   Hormônios e suas Funções, Doenças Relacionadas
Adenohipófise, seus principais hormônios e atuação nos órgãos-alvo. Fonte: www.uff.br/fisiovet

Hormônios produzidos e secretados pela Adenohipófise:

* Somatotrofina (GH ou Hormônio do Crescimento) promove crescimento, regeneração de epitélios, em particular dos tecidos ósseo e muscular. Problemas na regulação do GH associam-se ao Nanismo e Gigantismo.

* ACTH (Adrenocorticotrofina): promove síntese de cortisol, corticosterona e H. sexuais (fascicular e reticular). Estimulando o córtex das glândulas adrenais.

A doença de Cushing refere-se a um tumor na glândula pituitária que, por lançar grandes quantidades de ACTH, estimula uma secreção excessiva de cortisol na glândula adrenal, essa desordem endócrina causa sérios danos ao organismo como o aumento de peso, surgimento de hematomas na pele, hipertensão e outros.

* TSH (Tirotrofina) estimula a síntese e a liberação dos hormônios da Tireoide , T3 2 T4 que atuam no metabolismo. Podendo ser associado ao Hipertiroidismo e Hipertiroidismo, pois pelo mecanismo de feedback negativo estimulam ou não a síntese de hormônios pela tireoide, assim faz-se um exame sobre a quantidade de TSH para verificar se uma pessoa apresenta problemas na tireoide.

* Gonadotrofinas: FSH que atua no desenvolvimento folicular ovariano (estrógenos) ou na espermatogênese, e o LH que transforma o folículo em corpo amarelo e a ovulação.

* Prolactina que promove o crescimento e o funcionamento das glândulas mamárias, sendo o principal hormônio estimulante da secreção do leite (pós-parto).

** O que achou das Informações do Resumo? Deixe seu Comentário ou dúvidas sobre o Tema aqui no ABC da Medicina …